MENSAGEM: VONTADE PERFEITA OU VONTADE PERMISSIVA DE DEUS

Pr. Pedro S. Neto

 

I – Introdução

Acho muito interessante observar a revelação da Palavra de Deus que nos descortinar como o Senhor deseja que andemos. Ela nos mostra que existe duas maneiras de Deus manifestar Sua vontade em nossas vidas. A primeira é Sua Vontade Perfeita e a segunda, é Sua Vontade Permissiva.

Existem exemplos disso nas Escrituras e queremos comentar. Vamos começar pela vontade Permissiva.

 

II – Vontade Permissiva de Deus

Como podemos entender a Vontade Permissiva do Senhor? Bom, um dos exemplos mais claros é o do profeta Balaão. A Bíblia nos apresenta Balaão como um profeta e não diz que ele é falso, mas que é "ganancioso". A sua ganância pelas riquezas deste mundo fizeram dele um profeta insensato. E isso levou-o a uma ruína completa.

O relato do que aconteceu com esse profeta insensato está no livro de Números, Capítulos 22 ao 24. O que podemos observar é que Balaque, pressionado pelo medo de Israel, envia mensageiros a Balaão para que esse viesse amaldiçoar a Israel, a fim de ter condições de destruí-lo. Desta forma, Balaque envia juntamente com os mensageiros, quantidade de ouro e prata para seduzí-lo. Parece que Balaque já conhecia Balaão. Quando os mensageiros chegaram a Balaão e deram o recado, Balaão pediu que eles esperassem um momento até que ele consultasse ao Senhor para saber se ele poderia ir amaldiçoar Seu povo. Ora, que insensatez! Balaão queria pedir permissão a Deus para amaldiçoar Seu próprio povo!! O que estava acontecendo com Balaão naquele momento? Podemos notar que ele tinha ficado cego pelo desejo daquele ouro de Balaque. Sim, assim ele foi consultar ao Senhor. Vendo a questão por outro lado, podemos ver também que Balaão estava querendo fazer algo que a Palavra de Deus condenava. O Senhor já havia abençoado a Israel e não poderia amaldiçoá-lo. E também era claro que não se podia abençoar o que Deus havia amaldiçoado. Isso nos leva a ver claramente que é um erro tremendo abençoar o que Deus amaldiçoou. Um exemplo para esclarecer: o Senhor já amaldiçoou o jogo desigual. Como alguém pode ainda consultar o Senhor para ver se ele aprova? É o caso de pessoas cristãs consultando o Senhor para ver se ele permite o namoro com pessoas não cristãs. Parece o mesmo espírito de Balaão.

Mas, prosseguindo, o que aconteceu? Ora, o Senhor respondeu a Balaão muito claramente: você não pode ir com esses homens para amaldiçoar meu povo. Aí, Balaão volta aos homens e diz que ele não poderia ir porque o Senhor não o permitiu. Balaão deveria ter entendido que essa era a Vontade Perfeita de Deus. Ele não poderia contraria Sua própria Palavra. Assim, os homens voltam a Balaque e este envia de novo mais príncipes com mais presentes para chamar Balaão. Se Balaão tivesse um coração perfeito diante do Senhor, ele teria dito: "não posso ir, pois a Vontade Perfeita do Senhor é que eu não vá. Não posso amaldiçoar o que Deus abençoou". Mas, pelo contrário, ele disse aos homens: esperem aqui para eu vá ver o que o Senhor me dirá. Em outras palavras, ele disse: espere para que eu possa ver se o Senhor mudou de idéia, ou de Palavra. Devemos saber que o Senhor não muda (Malaquias 3:10). O que ele chamou de pecado há 2000 anos atrás, Ele continua chamando hoje. Mas Balaão não tinha esse entendimento. Foi de novo consultar o Senhor. Então, o Senhor manifestou Sua Vontade Permissiva. Disse: "vai Balaão, mas dirás somente o que eu te disser". Essa era a Vontade Permissiva do Senhor. Por causa da insistência de Balaão, o Senhor permitiu sua ida, embora essa não fosse Sua Vontade Perfeita.

Como Balaão estava muito cego pelas riquezas de Balaque, arrumou o animal e foi-se embora com os homens. Mas o Senhor enviou o Seu anjo para matá-lo. Sim, essa é uma triste realidade, o Senhor se põe como adversário contra aqueles que não querem fazer Sua Perfeita Vontade. Ainda mais quando desejam contrariar a Palavra para prejudicar o Seu povo.

Se formos trazer isso para nossos dias, iremos notar que muitos estão colhendo maldições em suas vidas por desprezarem a Perfeita Vontade do Senhor. Quantos que, seduzidos por prazeres, honras mundanas, privilégios, fama, cargos, etc, estão lutando para que o Senhor permita que eles façam coisas que a Palavra condena. Quantos destróem suas famílias em busca de uma "felicidade" passageira. Quantos que para subir num cargo não se envergonham de difamar pessoas corretas. Quantos que para arranjarem casamento vestem a capa da hipocrisia, passando-se por verdadeiros cordeiros quando na verdade são lobos vorazes. Quantos que para mostrarem-se eficientes caluniam obreiros para tomar seus lugares.

Na verdade, se formos analisar o que está acontecendo, iremos ficar muito chocados com a ganância de muitos que não se importam em buscar a Verdadeira Vontade do Senhor, mas buscam sua permissão para fazer coisas inconvenientes.

III – Vontade Perfeita do Senhor

Esta é a Vontade do Senhor para Seu povo. Muitos morreram por proclamarem a Vontade Perfeita do nosso Deus. João Batista foi um. Ele apontou o dedo para Herodes e disse: "Não te é lícito tomar essa mulher". Mateus 14: 4. Herodes tinha tomado por esposa a mulher de seu irmão. João sabia que a Vontade Perfeita de Deus era que o irmão não visse a nudez de sua mulher. Lev. 18:16.

Outro exemplo é o de Micaías. Os 400 profetas profetizavam a favor de Acabe mas ele conhecia a Palavra do Senhor que já havia amaldiçoado a Acabe. Como poderia ele abençoar o que Deus já havia amaldiçoado? I Reis 22: 8-28. Quando Acabe permitiu que sua mulher, Jezabel, matasse a Nabote para ficar com sua vinha, o Senhor o amaldiçoou por causa desse crime. I Reis 21: 1- 29. Como Micaías era um profeta que andava na vontade perfeita do Senhor, ele não foi levado pela sedução como os outros 400 profetas. Ele ficou com a Vontade Perfeita do Senhor. Como agiríamos hoje? Falaríamos bem de Acabe para ficar bem com o rei? Ou teríamos a coragem de proclamar a vontade do Senhor, ainda que contrariasse a palavras dos demais profetas?

IV – Conclusão

Andar na Vontade Permissiva de Deus é caminho de morte. Por isso, temos que nos esforçar para andarmos em Sua vontade Perfeita para usufruirmos de Sua glória.

Que o Senhor nos abençoe.

Pr. Pedro

pastorpedro@terra.com.br